Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SNTNELA

-

Portugal

19.11.19 sntnela Vivian Barbosa

Lisboa

P050811_17.180001.JPG

Cabo Da Roca

41 (1).jpg

Praia Grande (Sintra)

15780955_1286063048118635_796591124209555842_n.jpg

Coimbra

DSCF0130.JPG

Lagos

Foto817.jpg

Viana do Castelo

P021011_10.350001.JPG

Braga

P131012_10.190001.JPG

Santuário Cristo Rei

WP_20170412_007.jpg

Portugal

Avivo no teu rosto o rosto que me deste,
E torno mais real o rosto que te dou.
Mostro aos olhos que não te desfigura
Quem te desfigurou.
Criatura da tua criatura,
Serás sempre o que sou.

E eu sou a liberdade dum perfil
Desenhado no mar.
Ondulo e permaneço.
Cavo, remo, imagino,
E descubro na bruma o meu destino
Que de antemão conheço:

Teimoso aventureiro da ilusão,
Surdo às razões do tempo e da fortuna,
Achar sem nunca achar o que procuro,
Exilado
Na gávea do futuro,
Mais alta ainda do que no passado.

Miguel Torga, in 'Diário X'
 Consultar versos e eventuais rimas
 

Coração de pedra

18.11.19 sntnela Vivian Barbosa

Coração de pedra-3111707_1920.jpg

Coração de pedra

sei que não é fácil,

hei de encontrar

o teu ponto frágil.

 

Solido Coração 

difícil de entrar

mas sou como água

a te penetrar.

 

Não quero te quebrar

apenas te envolver,

tento pouco a pouco

te humedecer.

 

Pobre coração 

que enriquece o meu,

de amor, de esperança

e o desejo de ser teu.

 

Folhas de outono

14.11.19 sntnela Vivian Barbosa

Folhas de outono-1030957_1920.jpg

A vida calmamente vai seguindo seu rumo, 

afastei as cortinas e abri as janelas,

as folhas das árvores estão caídas no chão,

molhadas pela chuva,

as minhas lágrimas cessaram,

e de você resta apenas lembranças,

meu coração se acostumou a estar só,

todo aquele amor e todo o ódio esvaiu-se,

sinto me em paz agora,

todo o sofrimento virou história,

e sigo o meu caminho sem magoa,

porque já não é importante.